Total de visualizações de página

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

O TIMONEIRO VALENTE



Sou um timoneiro... Valente,
(Suponho!)
Do barquinho de minha Vida
Que veleja singrando
O mar da existência:
- Ora tão sereno...
- Ora tão irrequieto...
Que quase tudo faz soçobrar
Em seus vagalhões...
Imprevisíveis!

Ah! Mas quem se põe a navegar
Nas águas profundas do mar da Vida...
De duas coisas sempre prescinde:
- Segurar o timão da existência com
Destreza!
- E ter um Amor do tamanho
Desse mundão de meu Deus!
Porque não há barquinho, no mundo,
Que complete a travessia da Vida...
A contento!
Sem que nele haja um Valente Timoneiro
Acalentado pela persistente brisa...
De um Amor Ardente!

RELMendes 14/11/2016

domingo, 6 de novembro de 2016

O que são “Idosos”?



-Vejamos:

-Ora! “Idosos” são pessoas:
- Cheias de passados...
Interessantíssimos!
Porque feitos de muitos encontros
E tecidos de incontáveis desencontros...
- Repletas de presentes...
Surpreendentíssimos!
Porque doces como: – Rapadura,
Ou amargos como: - Jurubeba braba!

-Ora! “Idosos” são pessoas:
- Transbordantes de esperança e sonhos
(Visionários até!)
Para poderem prosseguir
A travessia restante da Vida...
Corajosa e jubilosamente!
Ah sem desalinho... Algum!

-Ora! “Idosos” são pessoas:
- Orvalhadas de ternura
A borbulhar a flor da pele...
Prestes a se debulhar pela estrada
Da Vida ainda a ser vivida...

-Ora! “Idosos” são pessoas:
-Ornadas de aconchegos...
Gostosíssimos!
Pra acolher sempre bem a quem vier
Partilhar com elas...segredeiras, 
Os seus muitos tormentos
Do atribulado dia a dia...  

-Ora! “Idosos” são:
- Habilidosíssimos malabares
Das ingratidões...deploráveis,
Que...sem pundonores algum,
Permeiam-lhes absurdamente o cotidiano...
Apesar de serem eles, os “Idosos”,
O porto seguro de tanta gente
Que deles ainda depende...
Não há...de maneira alguma,
Por que tangenciar...então,
Essa verdade tão corriqueira!

-Enfim, Idosos são pessoas...preciosas,
Que aspiram...apenas e tão-somente,
O que lhes é devido: - Respeito!
Porque já labutaram...demais da conta,
Para que muitos pudessem virar: -  Gente!

RELMendes 04/11/2016